segunda-feira, 20 de setembro de 2004

O trabalho dignifica...

Há dias, como o de hoje, que só me apetece dormir. Mas o vício da net ultrapassa os meus sentidos e necessidades. Venho escrever e ler, ver quem escreveu e sobre o quê, e ver quem me escreveu.
Hoje não recebi tretas. Só trabalho. Para que vim? Logo hoje que estou tão cansada... que coisa... há dias que nem trabalho e hoje...
Mas não me posso queixar. Nem quero. Senão há tretas ou “notícias” é porque não pode haver. Se há trabalho... é bom. Muito bom! Porque como costumo dizer, em tom provocatório, “o trabalho dignifica”!!! E esta é uma máxima que eu já interiorizei...

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...