sábado, 4 de março de 2006

Nos anos de uma Mana

Hoje é um dia especial porque uma das manas é pequenina e, para mim, os dias de anos são sagrados e devem ser comemorados de forma única. Ela é também uma pessoa particular pela sua forma de ser e de estar, com um entendimento único da vida e um espírito positivo e optimista que faz dela uma pessoa simplesmente inimitável! Pois se a mana hoje fez anos, foi dia de reencontro familiar e, claro está, as conversas ao almoço foram tão animadas que prometi aos presentes fazer aqui uma referência. Não, não sejam completamente curiosos porque não posso aqui relatar o teor dos ditos e contos. Mas foi muito divertido, apesar do meu ar, por vezes, mais sério e a pedir contenção... Mas foi divertido, animado e um almoço muito alegre. Parabéns à Mana João!

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...