quinta-feira, 20 de outubro de 2005

ser uma criança...

Ao olhar o meu sobrinho, apetece-me cantar o que oiço na rádio neste momento em que passa a publicidade à Casa do Gil:

Faz-me falta ter a tua esperança

Faz-me falta estar ao pé de ti

Faz-me falta ser uma criança

Faz-me falta ser igual a ti

E... se alguém souber, por favor dê-me uma pista... afinal, porque é que temos de crescer?

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...