quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Brinde ao futuro

Há momentos importantes nas nossas vidas porque nos ajudam a definir prioridades, a olhar para o presente, a arrumar o passado e a delinear o futuro. O passado não se renega, não se esquece e não se apaga. Faz parte de nós e reforça tudo aquilo em que nos tornámos. O presente é o que vivemos no momento e construímos, mesmo que nem sempre consigamos organizar, articular e corrigir todas as situações pelas quais vamos passando, sobretudo quando nem todo o encadeado de acontecimentos depende de nós. O futuro está em aberto e é nele que me apetece acreditar porque o que vivi ou estou a viver não se repetirá e o que virá deixa-me cheia de expectativas. Na verdade... já tenho saudades do que irei viver...



São Tomé, 10/09/2014 (mas poderia ter sido pensado e escrito hoje, 01/01/2015)

Kuma di curpo... curpo sta bem

Ontem foi o dia em que conversei calmamente com um amigo que partiu porque teve de se ausentar deste mundo por ter sido chamado para outras...