quinta-feira, 15 de maio de 2008

Reconforto

É verdadeiramente reconfortante perceber o quanto a nossa presença pode deixar os outros felizes. No caso, sinto-me muito reconfortada sempre que o meu pequeno Agente Secreto me vê, quer o encontro resulte de uns minutos de afastamento quer de uma ausência de semanas. O mais magnífico é vê-lo em adoração total e perfeita não afastando os olhos de mim. Sinto-me uma verdadeira diva para o meu pequeno grande amigo de quatro patas. Um encanto, uma delicia esta amizade que se vai reforçando dia-a-dia!

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...