quinta-feira, 28 de dezembro de 2006

Projectos

Ter novos projectos é, mais do que aliciante, uma razão para continuar a viver sorrindo. Nesta altura, preparo mais uma missão em África. O desafio é grande e o trabalho inovador por aquelas paragens, razões suficientes para andar com um imenso sorriso estampado no rosto. Gosto de “partir pedra”, de trabalhar a partir de quase nada, de identificar pistas e de ligá-las umas às outras construindo um encadeado de informação que pode ser útil a uns e a outros, a alguns, ou a muitos.

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...