sexta-feira, 1 de dezembro de 2006

Está a chegar... o NATAL!!!

O Natal é uma das minhas épocas do ano preferidas e, apesar dos anos irem passando por mim, o imaginário que envolve as festividades não desapareceu. Lá está... serei uma eterna criança em algumas coisas... É verdade que o aproveitamento consumista é excessivo e, de ano para ano, a apelação para as compras e a sedução das cores e das luzes começam mais cedo, banalizando o simbolismo da época. Pois eu recuso-me simplesmente a pensar seriamente no Natal antes do início de Dezembro. A árvore e o presépio só os faço a partir do dia 8 e a procura dos presentes certos para cada um vai também ter início agora. São rituais que não quero perder e é uma delícia revivê-los na companhia de pessoas realmente importantes.

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...