segunda-feira, 24 de julho de 2006

Intuição

Ser-se intuitivo, às vezes, é bom porque evita que nos metamos em trabalhos. Mas... na maioria das vezes... é uma chatice!!! Percebemos logo o que os outros querem e as conversas acabam por perder metade da graça que poderiam ter. Às vezes faço-me de des-intuitiva e farto-me de rir para dentro. É um exercício muito engraçado porque alguns acham-me burra e têm muito mais trabalho para me fazer acreditar no que dizem, apesar de ficarem com a sensação que me levaram à certa!!!! Dá vontade de dizer... hellooooo... Eu rio-me e eles ficam todos convencidos!!!

 

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...