sábado, 4 de março de 2006

O stress da antecipação

É sempre assim. Os dias que antecedem as viagens são muito vividos de forma muito stressada: há uma infinidade de coisas para fazer e ultimar; há a sensação de se deixarem assuntos pendentes e por resolver; há a noção que, se a experiência que se irá ter é grandiosa, uma parte da vida fica aqui à espera do regresso. É estranho mas absolutamente fascinante. E em todas as viagens que faço retomo esta confusão emocional e de sentires. O stress da antecipação é fantástico!

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...