quinta-feira, 9 de junho de 2005

Guapa, Barcelona!

Cheguei revitalizada e muito tranquila. Barcelona é uma das poucas cidades europeias que tem um mágico efeito sobre a minha alma. Acalma-me, apazigua-me com o Mundo e com a Vida. Ali sinto-me inexplicavelmente bem. A luz é reconfortante, os espaços abertos e a alegria reinante na Catalunha é contagiante. Vive-se de forma positiva e bem disposta, descontraída e levezinha. Tudo parece fácil por lá. É talvez das poucas cidades europeias onde, se me perguntassem se quereria viver, diria “SIM” sem pestanejar. E há um local, que visito desde a minha primeira viagem porque me apaixonei pela paisagem, Montserrat e estava lindo, esplêndido, sempre com um novo recanto por descobrir. Magnífico e muito recomendável a todos os que não conhecem. E quem gostar de caminhar, do cheiro a montanha e a floresta, da paisagem verdejante, tem em Montserrat um local idílico, ou não tivesse a conotação de “o monte serrado pelos Deuses”.

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...