domingo, 6 de fevereiro de 2005

A companhia das estrelas

E ali estavam elas de novo, distantes e discretas, as "minhas companheiras estrelas", após umas horas necessárias de chuva. Consegui ver algumas, não todas. Mas é sempre tão reconfortante olhar o céu e vê-las brilhar, lá longe, a proteger-nos, dando-nos a sensação de estarmos acompanhados por uma presença familiar.

A escrita e os artefactos

Para quem gosta de escrever uma caneta é a extensão de si próprio e um caderno o seu reflexo. São objectos especiais e, por isso, tratados ...